EAD brasileira oferece atenção mais personalizada do que os cursos presenciais

Betina von Staa
WhatsAppFacebookShare

Quem disse que num curso a distância o aluno fica mais solitário? O gráfico 7.19 da página 140 do Censo EAD.BR 2016 revela que 53% das instituições que ministram cursos totalmente a distância e semipresenciais têm a prática de oferecer feedback individual aos alunos, ao passo que somente 25% das instituições presenciais fazem isso.

unnamed-betina-ead-inoveducA prática de avaliar os alunos com menos de três notas por disciplina ou mais de três notas está em torno de 20% das instituições, em cursos a distância e semipresenciais.

. Quero Bolsa divulga dados sobre o atual quadro da EAD no Brasil

Mas somente 11% das instituições com cursos presenciais têm a prática de avaliar alunos com frequência acima de três notas por disciplina.

EAD: distância que aproxima

Modalidades de avaliação mais típicas das metodologias ativas, como o feedback entre alunos, ou que dependem de tecnologias mais modernas, como notas de áudio ou vídeo e rubricas de aprendizagem, ainda são raras tanto na modalidade presencial quanto a distância.

Mesmo assim, vale ressaltar que 15% das instituições que ministram EAD totalmente a distância já adotaram as notas de áudio ou vídeo para avaliar seus alunos.

. EAD: solução para o ensino brasileiro
. O potencial inclusivo da EAD

O gráfico revela claramente que não é por estarem distantes que os alunos deixam de receber atenção individual quando optam pela EAD.

Veja todos os Censos realizados pela ABED, desde 2005.

Betina von Staa

Betina von Staa

Coordenadora do CensoEAD.BR, da Abed e designer Pedagógica na TransFor.Me

Ver todas as postagens publicadas por Betina von Staa