Campus Mobile terá como prêmio imersão no Vale do Silício

imersao-vale-do-silicio-instituto-net
Letícia Santos
Escrito por Letícia Santos

Atualmente, não há como dissociar educação e inovação. O Instituto NET Claro Embratel não só entendeu essa questão, como está buscando formas de aliar as duas áreas. Até o dia 5 de novembro, universitários e recém-formados de todo o país poderão se inscrever na 6° edição do Campus Mobile.

O programa tem como objetivo estimular a formação de jovens para pensar e viabilizar o desenvolvimento de aplicativos que contribuam de forma positiva para o contexto social.

“Iniciativas como estas descobrem soluções incríveis para o dia a dia e ajudam na capacitação profissional desses jovens, que adquirem um conteúdo extraordinário e trabalham novas habilidades”, afirma a vice-presidente de projetos do Instituto, Daniely Gomiero.

Para a realização do projeto, o Instituto NET Claro Embratel conta com a parceria da Associação do Laboratório de Sistemas Integráveis Tecnológico (LSI-TEC/USP) e o apoio da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP).

Jovens não têm medo de se aventurar

Daniely-Gomiero-instituto-net-claro

Daniely Gomiero

O Campus Mobile conta com três categorias: Educação, Facilidades e Jogos. Na última edição, foram inscritos 66 projetos de apps de educação, somando um total de 129 participantes.

Inclusive, um deles foi o projeto vencedor da edição. A plataforma Ducante auxilia professores a compartilhar materiais extraclasse com seus alunos de forma rápida, interativa e divertida.

Daniely destacou que os jovens gostam de abraçar novos projetos e não têm medo de se aventurar.

“Esta nova geração é mais imediatista e mais ‘livre’. Um dos maiores desafios da Educação é preparar os jovens para a realidade do mercado de trabalho e suas habilidades de contornar certas situações do dia a dia e como lidar com frustrações.”

Segundo Daniely, o mercado educacional e o empreendedorismo no Brasil estão em constante evolução. E iniciativas como o Campus Mobile ajudam a potencializar o crescimento de ambas as áreas.

Confira as etapas do Campus Mobile

O programa receberá inscrições individuais ou de grupos de até três membros. Um total de 120 projetos serão escolhidos. Os selecionados ganharão uma viagem para o Vale do Silício, nos Estados Unidos, onde poderão concluir seus projetos.

viagem-vale-do-silicio-instituto-net

Registro da imersão no Vale do Silício: selecionados da edição passada em frente à sede do Google

Na categoria Educação serão analisados produtos ou serviços para dispositivos móveis que promovam aprendizagem dentro e fora da escola. Na categoria Facilidades, o critério para avaliação será se o projeto em questão beneficia os usuários tornando a vida mais prática, segura e incentiva hábitos saudáveis. Na categoria jogos serão aceitos quaisquer jogos para dispositivos móveis.

  • Primeira etapa:
    Fase de inscrições, até 5 de outubro, no site do instituto.
  • Segunda etapa:
    Etapa de seleção e divulgação das ideias e soluções dos projetos. Será realizada entre os dias 6 de novembro e 1º de dezembro.
  • Terceira etapa:
    Fase de desenvolvimento dos projetos que ocorrerá em dois momentos distintos: à distância por ambiente virtual (entre 4 de dezembro 2017 e 26 de janeiro de 2018) e presencialmente (entre 29 de janeiro e 2 de fevereiro de 2018).
  • Quarta etapa
    Etapa de finalização dos protótipos; será realizada de 12 de fevereiro a 6 de abril de 2018.
  • Quinta etapa
    Viagem de imersão dos vencedores para o Vale do Silício nos Estados Unidos, em setembro de 2018.

Letícia Santos

Letícia Santos

[email protected]