Drone Kids School ensina ciências em curso de pilotagem de drones

Letícia Santos
Escrito por Letícia Santos

Desde 2016, o mercado educacional oferece aulas práticas e teóricas para adultos aprenderem a pilotar drones. Entendendo que os equipamentos também são de interesse do público infantil, Márcio Vieira, CEO da Drone Kids School, decidiu elaborar um curso de pilotagem de drones para crianças entre 8 e 12 anos.

“Conforme fomos desenvolvendo o projeto, percebemos que só ensinar as crianças a pilotar drones era muito raso. Então, resolvemos trabalhar toda a parte pedagógica de acordo com a nova Base Nacional Comum Curricular“, explicou Márcio Vieira.

As aulas na Drones Kids School são elaboradas com base na metodologia STEAM. A proposta é que as crianças possam entender conceitos relacionados a diversas disciplinas, como Física e Matemática, enquanto aprendem a pilotar os drones.

. Conheça a Yadaa, primeira escola de STEAM Education do Brasil

Drone Kids School trabalha no aperfeiçoamento do curso

A escola tem uma sede em Curitiba, onde oferece cursos e mantém um laboratório para desenvolvimento e aplicação de novas tecnologias. Além disso, a Drone Kids oferece licenciamento e microfranquias para que outras instituições também possam oferecer o curso.

“Hoje, os pais têm muita dificuldade em levar os alunos para diversas atividades, em diferentes locais. Como o aluno já está na escola, aproveitamos essa oportunidade para levar o curso para dentro da instituição e trabalhar em conjunto com os professores de outras disciplinas.”

Márcio Vieira explicou que, neste momento, o objetivo da startup é aperfeiçoar ainda mais o curso. A equipe da Drone Kids está desenvolvendo um novo módulo, onde serão trabalhadas novas dimensões do conhecimento. Especialmente as que estão alinhadas aos conceitos da quarta Revolução Industrial.

. Especialista explica como está estruturado o conceito de Educação 4.0

Além de pilotar, os alunos aprendem a desenvolver o projeto de um drone, que é modelado em uma impressora 3D.

Meta da startup é a internacionalização

Durante as atividades, os estudantes entram em contato com conceitos de inteligência artificial, internet das coisas e realidade virtual. Tudo isso envolvendo o drone como ferramenta de transmissão de conteúdo.

Tanto os professores da Drone Kids quanto os das demais instituições recebem uma capacitação online para entender a forma como os conteúdos devem ser transmitidos.

. Edulabzz implementa tecnologias educacionais em escolas

“Os professores recebem todo o suporte na plataforma educacional que criamos.Todas as aulas devem ser estruturadas de acordo com um roteiro que disponibilizamos no ambiente online.”

A Drone Kids pretende se consolidar, também, em outros países. Segundo Márcio Vieira, o curso está sendo levado para Portugal, Orlando (EUA) e Quebec (Canadá).

Veja também

Letícia Santos

Letícia Santos

[email protected]