Evento em SP traz soluções disruptivas para gestão das escolas

class-up-2019-logo-inoveduc-destaque
Débora Thomé
Escrito por Débora Thomé

São Paulo recebe, nesta quinta-feira, 11 de abril, a 2ª edição do ClassUP – Escolas Exponenciais 2019. Organizado pelo Escolas Exponenciais, o evento contará com mais de dez horas de programação. O objetivo é reunir cerca de mil gestores, mantenedores e diretores de escolas particulares de todo país em busca de soluções disruptivas e criativas para alavancar a gestão, a inovação e o marketing das suas instituições.

Para Vahid Sherafat, idealizador do evento, falta às escolas privadas do mercado brasileiro a capacidade de acompanhar a velocidade da transformação que está à sua frente. “O maior desafio da educação privada no Brasil não é conceitual, e sim de aplicação”, disse.

Para Sherafat, a gestão educacional precisa se espelhar no modus operandi das startups.

Como será a programação do CassUp 2019

Contribuir com informação de qualidade e boas práticas para que as escolas vençam este desafio é um dos objetivos do ClassUP – Escolas Exponenciais 2019. Por isso, o evento oferece uma visão integrada de medidas práticas que podem ser adotadas para implementar inovação na gestão educacional.

A ideia é transmitir de forma pragmática como isso deve ser feito, com que recursos, qual a melhor maneira de lidar com os desafios, entre outras orientações”, explicou Sherafat.

A programação prevê mais de 15 palestras e debates com profissionais que fazem a diferença no mercado de startups e educação. Entre os assuntos discutidos nestas palestras estão: modelos de atendimento, de expansão, de crescimento, de contratação e de treinamento com empreendedores que estão se destacando através de iniciativas inspiradoras em cinco trilhas.

Miguel Thompson, CEO do Instituto Singularidades (Foto: Divulgação)

Uma dessas trilhas é ‘Inovação e gestão’, que mostrará como a cultura de pessoas das startups pode inspirar este segmento dentro das escolas privadas. Também discutirá metodologias ativas, que colocam o aluno no centro do processo de aprendizagem, como o blended learning e a sala de aula invertida.

O evento terá, ainda, um painel com Miguel Thompson, diretor do Instituto Singularidades e, no encerramento, palestra da californiana Puneh Ala’i, que contará um pouco do desafio global de educar crianças refugiadas. Puneh comanda a ONG For The Unseen, voltada para educação de jovens sírios refugiados.

Filha de imigrantes iranianos, em 2013, Puneh escondeu dinheiro sob as roupas e entrou na Síria com o objetivo de fazer trabalho humanitário. O contato com as crianças a inspirou a fundar, na fronteira da Síria com o Líbano, a escola “Birds of Hope”, que hoje já tem três unidades funcionando e mais de três mil alunos.

Pesquisa nacional e desafio para alunos

O ClassUP também apresentará uma pesquisa com as tendências educacionais para 2020. A pesquisa foi desenvolvida pelo Escolas Exponenciais, líder nacional em pesquisa e apoio estratégico para instituições de ensino. O levantamento contou com a participação de 150 mil pais e mães de alunos de todo território nacional.

. Confira a agenda (atualizada!) de eventos programados para 2019

O estudo avalia os fatores que mais influenciam na satisfação em relação à escola. Durante o painel para a divulgação dos dados, serão apresentadas informações fundamentais para ajudar mantenedores e gestores a se prepararem para atender de forma mais assertiva as necessidades dos seus clientes no cenário atual.

. Bett Startups anuncia as edtechs participantes em 2019

Outra novidade lançada no evento será o “Criadores do Furuto”. O desafio nacional para estudantes do ensino médio pedirá aos alunos para refletir sobre qual será o modelo da escola do futuro, quais profissões devem surgir e quais entrarão em extinção.

O concurso colocará os alunos no centro do debate. Por meio de um vídeo postado nas redes sociais, será possível saber o que pensam os alunos brasileiros. Mais informações sobre o desafio podem ser conferidas no hotsite do programa.

Débora Thomé

Débora Thomé

Editora-chefe
[email protected]