O mundo Google na escola

mundo-google-inoveduc
Marcio Gonçalves
Escrito por Marcio Gonçalves

Um professor que usa ferramentas digitais para enriquecer o ensino e a aprendizagem encontra inúmeras possibilidades gratuitas na web. Mas essa gama de oportunidades pode tornar o trabalho do professor demasiado cansativo porque muitas vezes pode requerer o login com inúmeras diferentes senhas.

Que tal, então, concentrar o trabalho por meio de um único cadastro?

Bem-vindo ao admirável mundo do Google na sala de aula. Faça seu login e explore alguns recursos.

Do 1º ano do Ensino Fundamental ao 8º ano Fundamental II, ao longo de 2018, comecei a trabalhar no ensino do letramento midiático e da cultura digital com o ambiente Google na sala de aula. Inúmeras possibilidades surgiram a partir do encontro com a máquina, a internet e a criatividade.

Possibilidades infinitas com o uso do Google na sala de aula

O serviço de mensagens eletrônicas não foi utilizado entre os alunos do 1º, 2º e 3º anos do Fundamental I, mas, em contrapartida, explorei com eles o potencial de desenvolvimento criativo que o Google Desenhos permite elaborar.

As fontes como recurso de sentidos lideraram as atividades: fizemos capas de livros, brincamos com nossos nomes e usamos as cores como expressão de sentimentos.

. Atividades plugadas e desplugadas aplicáveis à cultura digital

No 4º ano do Fundamental I introduzimos o gmail como um recurso de comunicação entre a turma e a comunidade escolar. É uma oportunidade de trabalhar a escrita, a saudação e a abordagem entre pessoas em ambiente virtual.

Para os adultos de agora o email é recurso bastante conhecido, mas para os jovens nascidos a partir de 2009 a novidade é tamanha. É preciso ensinar a função social do correio eletrônico mesmo em tempos de comunicação instantânea via Whatsapp, Telegram, Messenger, Direct Message etc.

. Os últimos millennials chegaram às universidades. E agora?
. Impactos da indústria 4.0 na cultura digital

Usuários com cadastro no Google têm acesso ao repositório de nome Drive. É lá que a mágica acontece. É possível fazer apresentações, explorar hiperkinks, criar formulários etc. Tudo isso com objetivos escolares e acadêmicos.

Aqui você encontra os produtos do Google. É hora de explorar e adaptar para sua realidade de ensino. Que 2019 a tecnologia avance nos processos e tarefas dentro e fora da sala de aula.

Marcio Gonçalves

Marcio Gonçalves

Líder do projeto “Aula Sem Paredes”, professor de cultura digital do Fundamental I e II na Escola Eliezer Max e docente no Ibmec, na Facha e na Unesa