Competências socioemocionais na mira da Microsoft para 2018

WhatsAppFacebookShare

As constantes mudanças na forma de aplicar o aprendizado são um frequente desafio da educação brasileira. Há tempos a Microsoft oferece aos gestores e educadores soluções para tornar as aulas mais criativas e dinâmicas.

Essa responsabilidade no desenvolvimento educacional permite acesso a um amplo conjunto de dados para enriquecer e aprofundar o conteúdo escolar.

Pensando no futuro dos alunos e sabendo que muitos deles exercerão funções que ainda não conhecemos, a Microsoft vem, desde 2016, mantendo o compromisso de democratizar a inteligência artificial.

Antônio Moraes, da Microsoft para o Inoveduc
Antônio Moraes, diretor de Educação da Microsoft Brasil

Para o próximo ano, o diretor de Educação da Microsoft Brasil, Antônio Moraes, disse que a empresa focará nas habilidades do século 21. Conhecida como habilidades socioemocionais, essas competências preparam alunos para a vida em sociedade.

“Nossas matérias contarão com o suporte necessário para que os professores possam desenvolver habilidades importantes como criatividade, colaboração, pensamento crítico e comunicação.”

Microsoft leva inteligência artificial para instituições de ensino

Além das já conhecidas ferramentas como Office 365, OneNote, Word, Power Point, a transnacional tem como objetivo democratizar a inteligência artificial. A ampliação do acesso ao ensino de tecnologia é uma forma de preparar os estudantes de hoje para resolver questões latentes no mundo.

Essa democratização é possível a partir da inclusão da inteligência artificial em todos os seus produtos e serviços. O intuito é ampliar as capacidades dos indivíduos e organizações para torná-los mais produtivos.

“A IA tem potencial para facilitar tarefas e melhorar a capacidade humana de gerenciar o seu próprio tempo. Além de extrair análises relevantes a partir de grandes volumes de dados.”

Um exemplo é a assistente digital Cortana. Nela, professores de todo Brasil têm acesso rápido a informações precisas sobre assuntos diversos instantaneamente.

Além disso, podem acessar mapas de todo o mundo com agilidade, compartilhar informações com outros profissionais e chegar a conclusões relevantes com de maneira mais fácil.

IA e programação para enriquecer diferentes áreas do conhecimento

Assim como o conhecimento em inteligência artificial, a programação é uma habilidade que ganha cada vez mais espaço por ter aplicações em diferentes campos do conhecimento humano.

Disponibilizada recentemente em português, o Minecraft Education Edition tem funcionalidades múltiplas que podem ser aplicadas em diferentes áreas do ensino, de Matemática à Educação Física.

Nessa última atualização foi incorporada a ferramenta Code Builder. O recurso que permite aos educadores e estudantes explorar, criar e jogar no mundo imersivo do Minecraft.

“Acreditamos que as pessoas podem fazer coisas incríveis por meio da tecnologia. Nossa missão é empoderar pessoas e organizações para conquistarem cada vez mais. E isso também se aplica à educação.”

Incentivo para professores inovadores

Em um mundo altamente conectado, gestores e professores devem estar atualizados para atender as necessidades dos alunos. Para colaborar com a formação desses profissionais, a Microsoft mantém o programa Educador Inovador Microsoft.

O projeto é formado por uma rede mundial de professores. O objetivo é fomentar o aprendizado e o compartilhamento do conhecimento.

“Existe um vasto material disponível para apoio a dirigentes e professores. Dessa forma eles podem implementar a tecnologia da melhor forma possível para aferir ganhos ao processo de aprendizado.”

Cinthia Guedes

Cinthia Guedes

cinthia.guedes@folhadirigida.com.br

Ver todas as postagens publicadas por Cinthia Guedes