TOTVS investe em aplicativos para o setor de educação

Quem tem smartphone sabe que além de todos os recursos oferecidos pelo aparelho há a possibilidade de fazer download de aplicativos que carregam funções capazes de simplificar muitas tarefas. Pagar contas, conversar com os amigos, pedir um táxi e assistir a um filme são apenas alguns exemplos das diferentes atividades. Na área educacional não é diferente.

Todos os dias chegam ao mercado apps para auxiliar a rotina de educadores e estudantes. A TOTVS, provedora de soluções de negócios para empresas de todos os portes, apresenta duas novidades: o eduCONNECT e o TOTVS Saída Inteligente by Filho sem Fila.

Marcelo-Cosentino-inoveduc
Marcelo Cosentino, vice-presidente do segmento de Professional Services da TOTVS (Foto: Divulgação)

“A tecnologia tem contribuído para tornar a comunicação na comunidade acadêmica mais eficiente. A partir do momento em que a escola consegue estar em tempo real no smartphone de alunos, pais, responsáveis e professores, todos os processos, sejam acadêmicos ou administrativos, ficam mais simples”, disse Marcelo Cosentino, vice-presidente do segmento de Professional Services da TOTVS.

O modelo de comercialização da TOTVS é B2B. Mas, de acordo com Marcelo Cosentino, pode ser chamado de B2B2C, pois a empresa prioriza a usabilidade do cliente final.

App eduCONNECT prioriza comunicação institucional

Disponível para download em Android e iOS, o eduCONNECT foi criado para unificar, em uma plataforma intuitiva, informações sobre os estudantes diretamente do celular.

educonnect-totvs-inoveduc

Pelo app, os alunos conseguem acompanhar notas, horários, frequência, histórico e também uma timeline com comunicados e avisos de atividades culturais e acadêmicas. Já os responsáveis, além de todas as funcionalidades disponíveis para os filhos, recebem alertas automáticos sobre reuniões e a rotina escolar. E ainda podem integrar tudo isso à agenda do seu dispositivo.

“O eduCONNECT tem essa proposta de melhorar a comunicação institucional. Além da facilidade, gera uma percepção de inovação e de melhoria contínua na qualidade dos serviços prestados. Também reforça a marca da instituição de ensino, já que a identidade visual do aplicativo é customizável. Outro fator importante é a redução da inadimplência; a falta de pagamento muitas vezes acontece por esquecimento”, ressaltou o vice-presidente.

App facilita vida dos pais e ‘desafoga’ trânsito no entorno das escolas

Em muitas escolas pelo Brasil, a cena se repete. Horário de saída dos alunos. Um grande fila de carros, sem lugar para estacionar. O congestionamento formado dificulta o acesso dos pedestres à calçada no entorno das escolas. O TOTVS Saída Inteligente by Filho sem Fila é uma parceria da empresa com o aplicativo Filho sem Fila, ferramenta que gerencia o momento que os alunos deixam o colégio.

filho-sem-fila-inoveduc-totvs

“A empresa sempre busca soluções inovadoras para facilitar a vida dos nossos clientes e dos clientes dos nossos clientes. Por isso investiu nessa parceria. A TOTVS tem um contrato de integração. O app é conectado ao nosso software educacional e comercial porque inserimos o produto em nosso portfólio de softwares”, explicou Cosentino.

O app foi pensado para que pais ou responsáveis avisem que estão chegando para pegar a criança na escola. A dinâmica é muito simples. O pai ou responsável avisa, com um único toque no celular, que saiu de casa. Ao se aproximar do colégio, o recurso de geolocalização envia um alerta para que o monitor deixe o aluno pronto para o embarque. Somente pessoas autorizadas pelos pais dos alunos podem levá-los para casa. Além de dar segurança, a ferramenta reduz em até 75% o tempo de espera e gera economia de combustível.

“Os responsáveis recebem avisos no momento certo. O TOTVS Saída Inteligente by Filho sem Fila tem ajudado os pais a ter uma melhor experiência no momento da saída da escola. Com a otimização desse momento, há uma redução das filas duplas e do tempo de espera. Ou seja, além de melhorar o trânsito na vizinhança da escola, deixa os pais mais tranquilos e seguros. E reduz o tempo de exposição nas ruas”, explicou Cosentino.