O que são recursos educacionais abertos?

Letícia Santos
Escrito por Letícia Santos

selo-o-que-eA partir dos avanços tecnológicos, diversas informações passaram a ser facilmente encontradas na internet. Dentro desse contexto surgiram os Recursos Educacionais Abertos (REA), que podem ser acessados e organizados gratuitamente na internet, normalmente por meio da licença creative commons.

Podem ser disponibilizados diversos tipos de materiais: livros, apostilas, relatórios, entre outros documentos.

“Esses recursos são materiais para ensinar, aprender e pesquisar que estão em domínio público e visam a fortalecer toda questão educacional”, explicou a coordenadora de educação da Unesco no Brasil, Rebeca Otero.

O Massachusetts Institute of Technology (MIT) foi pioneiro nessa iniciativa quando anunciou, em 2001, a liberação de materiais na internet de quase todos os seus cursos. No ano seguinte, a Unesco foi a responsável pela organização do primeiro fórum global de Recursos Educacionais Abertos (REA).

REA pode contribuir para um ensino público de qualidade

De acordo com Rebeca, a instituição acredita que todos devem ter acesso universal à educação de qualidade. Com isso, esses cidadãos serão capazes de garantir aspectos fundamentais para uma boa convivência em sociedade, como:

  • construção da paz
  • desenvolvimento social
  • economia sustentável
  • diálogo intercultural

“Esses materiais compartilhados por REA oferecem uma oportunidade estratégica da melhoria de qualidade educacional. Bem como facilitam o diálogo sobre as políticas públicas.”

O REA não fica limitado a publicações. O MIT, por exemplo, usou esses recursos abertos para liberar videoaulas de seus cursos. “Isso faz muito sentido porque é um pensamento mais moderno no sentido de construir essa sociedade da informação que queremos montar”, defendeu Rebeca.

A coordenadora de educação da Unesco enfatizou que qualquer um pode compartilhar materiais. Mas chamou atenção para as formas de organizar esses conteúdos. “A Unesco vem trabalhando, tanto no desenvolvimento de políticas quanto no desenvolvimento de professores, para a utilização desses recursos.”

Por fim, Rebeca defendeu a importância de proporcionar o direito ao acesso a uma educação pública de qualidade.

“Os cidadãos têm o direito de escolher uma instituição privada para eles ou seus filhos. Mas eles têm, antes, o direito de ter uma educação inclusiva, equitativa e de qualidade. E os recursos educacionais abertos são elementos-chave nessa educação.”

Especialista indica referências sobre REA

Tel Amiel, coordenador da Cátedra Unesco na Unicamp em educação aberta, indicou alguns sites de referência para quem quer acessar materias de qualidade compartilhados por meio de REA.

O Mapa Global de REA reúne diversos dados sobre recursos educacionais abertos e indica sites de referência no assunto. Quando o assunto é livros, o Scielo Livros é uma boa opção para as buscas.

O novo portal MEC RED pretende estimular o compartilhamento de materiais de estudo. Na plataforma, é possível acessar tanto REA quanto recursos fechados. Em breve, o portal será aberto para contribuição de professores, onde todos os recursos compartilhados serão REA.

Outra promessa é o portal EduCapes, que atuará da mesma forma, mas com ênfase no ensino superior.

Letícia Santos

Letícia Santos

[email protected]