Plataforma gratuita ajudará a implementar a BNCC em todo o Brasil

somos-educacao-logo-inoveduc-destaque
Débora Thomé
Escrito por Débora Thomé

Desde a homologação da BNCC (Base Nacional Comum Curricular) , em dezembro de 2017, os desafios para sua implementação vêm sendo discutidos em todas as escolas do Brasil. Pensando nisso, a Somos Educação construiu uma matriz curricular que mostra como a Base pode ser traduzida para diferentes realidades.

. Grupo Somos Educação moderniza ensino técnico online

Disponibilizada em uma plataforma aberta, livre e gratuita, a BNCC na Prática  é voltada para professores, coordenadores, diretores, alunos e comunidades escolares. De acordo com Letícia Lyle, presidente do Instituto Somos, a plataforma passou por uma fase de testes com mais de 400 professores. Só nessa etapa, foram impactados cerca de 7 mil alunos em pouco mais de dois meses.

O conjunto de ferramentas da plataforma permite que o professor passe a olhar sua experiência cotidiana com os alunos pela lente do desenvolvimento de habilidades. Isso é uma revolução, que reflete o momento da educação no Brasil e no mundo.”

A proposta da ferramenta é ajudar o professor ou educador a montar sua grade de acordo com a BNCC. O diferencial é poder acrescentar o que achar necessário para complementar seu método. De acordo, inclusive, com as especificidades de cada região/perfil de aluno/escola.

A BNCC na prática foi desenvolvida em parceria com o CCR (Center for Curriculum Redesign). A organização global sem fins lucrativos dedica-se a melhorar a educação por meio da resposta à pergunta “o que os estudantes devem aprender para o século 21?”.

. Especialistas falam sobre o que esperar da implementação da BNCC
. Diretrizes da BNCC norteiam uso da tecnologia na educação básica

O CCR é comandado por Charles Fadel, uma das maiores referências mundiais em educação. Fadel também é professor visitante da Escola de Educação de Harvard. A principal contribuição que o CCR traz é o conjunto de competências necessárias para a vida no século 21, sendo alguns destaques:

  • Criatividade
  • Pensamento crítico
  • Colaboração
  • Resiliência
  • Responsabilidade social
  • Conhecimento de recursos digitais
  • Multidisciplinaridade

Plataforma ‘BNCC na Prática’ já está acessível

A noite de lançamento da plataforma foi acompanhada por uma rodada de discussões sobre a educação no Brasil. O evento foi realizado em São Paulo. As mesas de debates foram conduzidas e moderadas por Leticia Lyle, presidente do Instituto Somos e diretora de Impacto Social da Somos Educação.

BNCC-na-pratica-evento-SOMOS-inoveduc

Evento de lançamento aconteceu em São Paulo (Foto: Divulgação)

A primeira rodada de debates falou sobre a BNCC na sala de aula e deu espaço para que professores e representantes de institutos relacionados à educação apresentassem a visão de quem está no dia a dia das escolas, de como a base funcionará na rotina das instituições, educadores e alunos.

Para Miguel Thompson, do Instituto Singularidades e um dos participantes do evento, com a implementação da BNCC, o professor passa a fazer transformações de acordo com seu conhecimento.

. App mede habilidades socioemocionais, já de acordo com BNCC

Para que a BNCC seja implementada de forma natural, é fundamental que exista uma aproximação do setor público e que se desvincule de questões ideológicas em busca de uma educação mais qualificada”, disse Thompson.

Já Anna Penido, do Instituto Inspirare e Movimento Pela Base, destacou que entender as aprendizagens vinculadas a cada uma das 10 competências da BNCC proporciona um equilíbrio na aprendizagem dos alunos.

. Conheça a importância das dez competências da BNCC, segundo especialistas

A mudança desta cultura de aprendizado é fundamental para se fazer uma reflexão mais ampla. Avaliar não apenas o desempenho dos alunos, mas também o das instituições em oferecer uma base sustentável”, explicou Anna Penido.

As discussões foram transmitidas ao vivo na página da Somos Educação no Facebook. Continuam disponíveis, na íntegra, na rede social.

Débora Thomé

Débora Thomé

Editora-chefe
[email protected]